Skip to content

Testando o Monster Builder

30/07/2009

Como para verificar a qualidade de algo o bom é testar, resolvi montar um monstro no Builder.

Escolho a opção de criar novos monstros. Abre uma tela com três colunas. A esquerda tenho os valores do monstro, que serão calculados a medida que for tomando decisões. No centro estão as opções que tenho que escolher (nome, nível, etc.). A direita está uma ferramenta de busca que me permite escolher entre a lista de monstros e poderes da 4e, que posso escolher para ajudar a criar meu monstro.

Primeiro, as coisas básicas como nome e nível. Vou chamar de Werewolf Master. Quero que ele seja um solo, de nível 8. Papel Skirmisher. Escolho tamanho grande. Não lembrava de qual origem correta de metamorfos na nova edição, então procurei na ferramenta de busca. Origem natural e tipo humanóide, escolhidos então.

Olhando a ficha do werewolf comum na coluna da direita, noto que ele tem o keyword shapechanger. O builder tem a opção de incluir keywords no final dessa página inicial de construção.

Até agora não fiz cálculo nenhum. O programa já calculou pra mim o XP, PVs, iniciativa, todas as defesas, valores de ataque, etc.

Quero criar um poder pra ele. Quero que ele seja capaz de causar terror com os uivos. Escolho poderes na coluna da esquerda, escolho novo poder. Isso abre na coluna central meu novo poder, que posso personalizar como quiser.

Vou chamar de Uivar, me manter básico nisso. Vou colocar como minor, algo que ele pode fazer sem gastar muito tempo. Escolho que seja poder de encontro, com o keyword fear. Coloco uma descrição pequena no bloco que dão pra isso. O programa automaticamente calcula o ataque e dano médio. Posso modificar os dois, de acordo com a facilidade no seu uso e qual o impacto eu queira que ele cause.

Fiquei meio em dúvida em qual seria o efeito ideal para esse uivo. Abro o espaço de poderes na coluna da direita e mando procurar todos os poderes ‘uivo’ (howl). Depois olho pela indicação do nível de cada poder. Me baseio no Mindhowl e decido que além do dano, vai deixar dazed (save ends).

Agora é questão de incluir mais poderes. Volto na coluna da direita aos montros e começo a procurar poderes interessantes entre aqueles que são metamorfos. Shapechange é obrigatório. Arrasto o poder que está na coluna da esquerda para a coluna da direita. Pronto, agora meu lobisomem pode se transformar em lobo. Blood Rage também é legal. Arrastado. Também levo o Bite (mordida) e noto que ele modificou os valores do poder para o meu personagem (aumentando o ataque do poder).

Notei algo aqui. Puxei tanto o Bite do werewolf comum quanto do werewolf archer. O do archer tem ataque menor mas causa mais dano. O do werewolf normal causa menos dano mas tem ataque maior. Provavelmente pela variação de valores de acordo com o role. Mantenho o do archer, mas já aprendi agora que é bom prestar atenção no tipo de monstro que estou usando para retirar os poderes. Estou achando o dano do bite ainda baixo, então clico nele e mudo o modificador para médio (o que aumenta o dano para 2d6 +6).

E por último faço algumas escolhas quanto a alinhamento, atributos, skills, línguas e equipamentos. Alinhamento Evil. Aumento a Força e Constituição, diminuo os atributos mentais. Poderia escolher as táticas agora, mas quero ver como fica a ficha logo.

Salvo e retorno uma tela. Seleciono ele com o botão direito e mando copiar como imagem.

ficha pronta

Simples, pra servir de exemplo mesmo.

Agora os problemas. A opção de richtext que tentei inicialmente não funcionou. Falta incluir figuras dos monstros que tem figuras, mas acredito que isso vem mais tarde. Até onde consegui notar, não traz aquela opção dos testes de conhecimentos para descobrir mais sobre a história dos montros. Tem algumas coisas que tem que ser feitas no olho, mas essa parte é facilitada pois é só olhar outros monstros similares e a busca e visualização disso foi mantida simples.

Como eu já estou acostumado a lidar com programas similares, acabou sendo fácil. Acredito que pra gente que só joga paciência ou tem dificuldade em escrever um texto no Word as coisas possam ser mais complicadas.

Tem algumas coisas que poderiam ter ficado melhor distribuídas na tela. O esquema das colunas funciona, mas tem certas partes que poderiam ocupar mais espaço (como mais espaço para a lista de nomes na direita).

Parece ser bem útil, no fim das contas. Vou testar mais no fim de semana, quando começar a escrever a próxima sessão de Ravenloft. Aí posso confirmar com certeza se isso ficou tão bom quanto prometeram.

No comments yet

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: