Skip to content

Dois skill challenges que foram usados na sessão

22/04/2010

Como já consegui ajudar algumas pessoas a entender melhor a mecânica com esses exemplos de skill challenges que uso em minhas sessões, seguem mais dois que utilizei na última sessão.

O primeiro foi quando os personagens chegaram numa cidade para buscar suprimentos para o exército deles. A idéia é que a multidão, desesperada com a guerra, se reunia para barrar a passagem dos personagens e pedir ajuda.

A situação:
Os personagens vão até uma cidade próxima tentar comprar provisões para o exército ao qual pertencem. Esse exército está sendo acompanhado por uma grande quantidade de civis que perderam suas terras durante a guerra e acreditam que vão estar mais protegidos com os soldados. Isso tem causado problemas para o exército dos personagens, com um gasto maior de provisões (por isso a viagem para a cidade) e um atraso na movimentação das tropas.
Os personagens chegam a cidade e logo são cercado pela população local, que pede ajuda. As pessoas imploram, gritam e falam ao mesmo tempo, barrando a passagem dos personagens e dos soldados que os acompanham e impedindo que continuem sua missão de buscar os suprimentos.

Lidando com a multidão
Skill Challenge Complexidade 1, nível 12, 4 sucessos, 3 fracassos

Diplomacy, Intimidation (16): Os personagens precisam passar nesse teste inicial para conseguirem acalmar a população e fazerem os testes seguintes. As pessoas param de falar ao mesmo tempo. Uma pessoa no meio da população, um senhor de idade que parece ser respeitado ali pelos olhares de aprovação que recebe quando começa a falar, diz que o povo na cidade está com medo de uma invasão. Eles querem ajuda para saírem para cidade. Sendo uma cidade pertencente à Solamnia, ele quer saber se os agentes do Imperador (os personagens-jogadores) vão ajudar a população.
Diplomacy (10): Os personagens aceitam ajudar a população a sair da cidade. O teste serve para coordenar as pessoas e evitar que elas voltem a se desorganizar quando recebem a notícia que serão ajudadas pelos soldados. Eles podem tanto levar os cidadãos para o resto do exército ou direcionarem eles para outro lugar. Ajudar a população atrasa a entrega de suprimentos para o exército.
Intimidation, Diplomacy ou Bluff (21): Os personagens ameaçam a população ou convencem o povo que eles não tem motivos para ajudar. Dois sucessos precisam ser acumulados nesse teste. No primeiro, parte da população começa a se afastar mas parte fica para trás e começa a gritar e ofender os personagens, impedindo a passagem. Sucesso no segundo teste conta como dois sucessos, encerrando o SC e permitindo que os personagens continuem com sua missão.

Secundários:
History (16): Lembra que existe um complexo de minas próximo daqui. As pessoas poderiam se mover para lá. Fica mais próximo que o acampamento dos exércitos e são cavernas conhecidas pela população mais velha da cidade. Mover essas pessoas para as cavernas diminui o tempo necessário para retirar as pessoas da cidade pela metade e evita o atraso na entrega dos suprimentos, caso os personagens tenham escolhido ajudar a população.
Religion (16): A cidade é fiel a Kiri-jolith. Um discurso usando os temas de coragem e honra faz a população aceitar as palavras dos personagens mais facilmente e diminui a dificuldade dos testes para convencer o povo em 2.

Tem duas possibilidades de sucesso. Na primeira, ajudando a população, a dificuldade é menor mas provoca o atraso nos suprimentos, se os personagens não se lembrarem do complexo de minas próximo daqui e moverem os personagens para lá.
Na segunda, os personagens intimidam ou convencem a população a deixarem eles passar. Esse não provoca o atraso, mas deixa as pessoas no caminho dos exércitos inimigos que se aproximavam.
Falha em qualquer um dos casos provocaria uma confusão que consumiria tempo dos personagens. Os soldados que acompanhavam os personagens iriam conseguir conter as pessoas depois de algum tempo, mas isso também atrasaria a entrega dos suprimentos.

Esses atrasos afetariam a quantidade de inimigos no combate que ocorreria mais tarde, quando eles estivessem voltando para o acampamento do exército. Quanto mais eles demorassem, maior o número de inimigos a serem enfrentados. Esse encontro de combate era uma emboscada de centauros (que queriam as provisões para sua tribo) e quanto mais eles demorassem, mais membros da tribo teriam se reuniriam no local da armadilha.

Cada escolha quanto a forma de lidar com as pessoas também tinha uma recompensa diferente.

Junto com as pessoas a serem movidas havia um clérigo de nível 10 capaz de lançar alguns rituais. Se eles tivessem movido as pessoas para junto do exército deles, o clérigo teria oferecido sua ajuda como agradecimento aos personagens. Ele iria disponibilizar os rituais que conhece, a custo de execução.

Se eles tivessem movido as pessoas para a mina (que foi o que aconteceu), isso diminuiria o tempo para mover a população e evitaria o atraso na entrega dos suprimentos, além de diminuir a quantidade de civis que estavam acompanhando o exército deles (um problema que o exército dos personagens está enfrentando). Mas eles não recebem a ajuda do clérigo, pois ele estará nas minas.

Dá para notar que eu fiz ele bem detalhado quando escrevi. Isso porque já sabia que iria mostrar ele no blog depois e por isso prefiro deixar bem explicado para o pessoal que ainda está aprendendo a montar SCs. Pra quem já dominou mais a mecânica, aconselho a escrever ele de forma mais simples e que se concentre só nos resultados de cada teste de perícia.

Também é possível notar que caso eles tivessem escolhido mover a população para junto do exército deles, só seriam necessários dois testes. Deixei assim porque conheço os jogadores e sabia que eles inventariam mais algumas coisas para fazer, o que completaria o número de sucessos para fechar o SC. Caso não tivesse ocorrido, eu teria incluído a necessidade de mais alguns testes de Diplomacia por personagens diferentes, à medida que todo o grupo guiaria a população local para junto do exército.

Em jogo:

Quando os personagens chegaram a cidade, logo foram cercados pelos habitantes. Um dos personagens fez um teste de Intimidação e conseguiu fazer a população se acalmar. Ele queria continuar a atravessar a praça onde estavam, mas a população impedia ainda a passagem.

Foi então que eles descobriram o tal ‘velho respeitado’ (que acabei colocando como prefeito da cidade) e um dos personagens saiu para ter uma conversa particular com ele.

Enquanto isso, os personagens tentavam se livrar da multidão. Outro deles teve um sucesso ao tentar ganhar a simpatia das pessoas. Como foi bem interpretado e fazia sentido dentro da situação, considerei esse sucesso como parte do necessário para vencer o desafio.

Outro (um kender) conseguiu se esconder e escapar daquela confusão que se formava. Isso gerou a reação de algumas pessoas (se agarrar bem as suas bolsas) e ajudou o teste seguinte (+2 no próximo teste a ser feito) pois todos queriam sair dali antes que suas moedas sumissem.

Enquanto isso, o personagem que conversava com o prefeito conseguiu lembrar das minas e teve um sucesso em convencer o prefeito que eles deveriam mover as pessoas para o local (testes bem sucedidos de História e Diplomacia). O prefeitou levantou mais alguns questionamentos, mas o personagem foi novamente bem sucedido em convencer o político que aquele era o melhor caminho para a população local.

No final, eles conseguiram ajudar a população sem perder muito tempo e sem ter que aumentar ainda mais a população civil que já está acompanhando o exército deles.

O segundo foi improvisado.

Os personagens precisavam negociar com o dono de uma ‘companhia circense’ o preço para uma noite de apresentações para as tropas. Inicialmente tinha planejado que fosse um teste de Diplomacia e pronto. Em jogo as coisas saíram diferente. Os personagens passaram mais tempo do que eu esperava negociando com o gnomo que é dono do circo, então resolvi fazer um SC rápido.
Inicialmente, o teste de Diplomacia para a oferta inicial dos jogadores. Bem sucedido, mas o gnomo percebe que eles podem oferecer um pouco mais. O personagem negociando começa a tentar convencer que vale a pena para a companhia fazer essa apresentação porque estará ajudando o exército a manter a moral elevada. A interpretação do jogador foi ótima, por isso resolvi que ela concedia outro sucesso no teste de Diplomacia, sem jogar dados.
Isso é outra coisa importante que já percebi nos SCs. Jogador teve uma idéia boa, fez uma interpretação ótima? Não peça para jogar o dado daquele teste. Dá um sucesso automático. Esse jogo é sobre heróis e seus feitos, se o jogador fez algo realmente legal ele merece ser premiado.
Durante sua fala o personagem diz que exércitos inimigos se aproximavam. Permiti que o jogador fizesse um teste de Insight para perceber que o gnomo havia ficado nervoso depois de ouvir isso. O personagem então pergunta ao gnomo o que está acontecendo, tentando acalmar o dono do circo. Novamente boa interpretação, só que preferi deixar o teste dessa vez. O jogador rola Diplomacia, é bem sucedido.
O gnomo diz que eles planejavam viajar na direção dos exércitos inimigos. Agora que sabem da proximidade das criaturas, eles pretendem se afastar dali. Mas ele teme que sejam alcançados. Como o jogador vinha interpretando bem, fiz o gnomo oferecer os serviços de sua trupe de forma permanente, acompanhando o exército.
No final, o gnomo acabou sendo contratado no dia seguinte para levar sua companhia junto com o exército.

Acabaram sendo quatro testes, o que dá um SC de complexidade um. Em caso de falha, eles teriam pago mais pela apresentação. Em caso de sucesso, eles pagariam menos. Como foram bem sucedidos e interpretaram bem, ainda joguei a opção do gnomo oferecer seus serviços à longo prazo.

Espero que esses exemplos ajudem. Quaisquer dúvidas, pedidos de ajuda, etc., é só falar.

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: