Skip to content

Chris Sims e a CEO da Paizo sobre a WotC e o mercado de rpg

13/05/2010

E o Chris Sims (Martial Power, Adventurer´s Vault, etc.) falou no final do ano passado sobre a Wizards, o mercado de rpg e os modelos utilizados pelas empresas do setor.

Não sou tradutor profissional e vou resumir o que ele escreveu, por isso também vou deixar um link aqui pra versão original. Na mesma discussão a CEO da Paizo comenta sobre a situação da empresa.

A mensagem dele foi uma resposta ao questionamento sobre quais outras empresas, além da WotC, costumam contratar funcionários em tempo integral.

Nenhuma segundo o Sims, se a pergunta é especificamente sobre empresas que produzem material para a linha de D&D ou derivados de d20.

Segundo o Chris, a maioria dos rpgistas tem uma visão muito otimista sobre o tamanho da indústria e quem compete com quem. A maioria das empresas do setor são mínimas e preferem contratar freelancers num modelo de projetos (nota do kimble: trabalha na empresa para fazer um projeto, sai quando termina) em vez de ter funcionários fixos. Mesmo as que possuem um bom número de funcionários costumam ter sua força de trabalho espalhada pelo país, num modelo não muito diferente de um grupo de freelancers que são constamente empregados em novos projetos.

E isso leva a outra afirmação dele: ao contrário do que algumas pessoas adoram especular, ninguém compete com D&D ou a Wizards. Não no sentido de ‘retirar uma parte substancial do mercado da Wizards’, pelo menos. Ninguém. O que não significa que as outras empresas vão mal. Pathfinder, M&M, True 20 e todo o resto tem espaço para conseguir seu lucro.

Não significa que nunca vai haver alguém capaz de competir com a Wizards. Só que ninguém no mercado atual consegue competir com D&D. Os verdadeiros concorrentes do sistema atualmente são outras formas de entrenimento (videogames, etc.) e não outros jogos de rpg.

Ele também comenta que apesar da atitude (nota do kimble: idiota) dos fãs em acreditar que existe uma briga entre as diversas empresas/ jogos/designers, o pessoal que trabalha no setor se dão bem, sendo que muitos se conhecem, tem amigos em comum ou já se encontraram em algum evento.

Antes que alguém diga ‘ele era da Wizards, ele tá defendendo o peixe dele’, mais pra baixo a CEO da Paizo confirma que o Chris está correto tanto na questão de parcela de mercado e número de funcionários. Ela defende o lado dela, claro, mas mesmo sendo otimista ela deixa claro que a Paizo não compete realmente com a Wizards. Ela também fala o número de funcionários da empresa (26 fixos na Paizo) e faz uma estimativa das outras com base nas informações que tem. A Wizards gira em torno de 150 a 200 funcionários fixos. A Steve Jackson Games tem menos funcionários que a Paizo. A Goodman Games talvez seja a empresa que mais se aproxima da WotC. Mesmo assim, ela duvida que qualquer outra empresa do ramo tenha 100, ou até mesmo, 50 funcionários contratados em tempo integral.

Isso (acredito) ajuda a reforçar algo que coloquei aqui outro dia, sobre o modelo do mercado e porque a Wizards demite funcionários de tempos em tempos. A maioria dessas empresas trabalha com um número bem pequeno de pessoas e usa muito de freelancers ou pessoas que são mantidas somente enquanto necessárias para projetos específicos. Quando elas deixam de interessar financeiramente a empresa, adeus. É um modelo bem agressivo e sem preocupação com o funcionário, claro.

Já o resto é só repetição de informação conhecida. Que D&D é o rpg mais vendido e líder de mercado é senso comum, a CEO da Paizo vir confirmar isso é só dizer o óbvio sobre o óbvio.

Achei muito boa a atitude deles serem abertos assim para falar do mercado, principalmente a confiança que o pessoal da Paizo demonstrou naquela discussão e a honestidade do Sims. Boa sorte pros dois.

2 Comentários leave one →
  1. Arquimaago permalink
    13/05/2010 8:04 pm

    Sem falar na outra questão que todos sabem RPG é nicho por maior que o WotC seja…

    • cesar/kimble permalink*
      13/05/2010 10:56 pm

      Com certeza. Rpg é jogo de nicho e sempre teve um mercado pequeno. O problema é que tem gente que não entende esse tipo de coisa.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: